Feeds:
Posts
Comentários

11/11/11

  Eu estava lendo um artigo sobre a data tão peculiar de hoje. Observem esse trecho:

“A chegada do dia 11 de novembro de 2011, nesta sexta-feira, vem movimentando a imaginação das pessoas e levantando discussões sobre um possível significado para a data. Alguns acreditam que o agrupamento numérico – 11/11/11 – sugere a abertura de um portal energético na Terra, que trará renovação (grifo meu) para a humanidade. (…) Do ponto de vista da Numerologia, todo número formado pela repetição de algarismos é um Número Mestre, como o 11, 22, 33 e 99, por exemplo. Segundo Yubertson Miranda, autor responsável pelas análises numerológicas do Personare, a simbologia do 1 indica independência, originalidade e dinamismo (grifo meu).” (fonte: Revista Personare)

Será que uma junção de números repetidos trará para a nação RENOVAÇÃO? Será que esse data peculiar mudará o mundo? Não, isso não vai acontecer! POR CAUSA DA DATA EM SI, NÃO! Mas, se nós fizermos nossa parte (não só no 11/11/11, mas SEMPRE) todo os dias de nossas vidas o mundo vai mudar! Se eu sou uma pessoa impaciente, grossa e mal educada, eu posso mudar de atitulde e me aperfeiçoar cada dia da minha vida (não só no 11/11/11, nem 12/12/12…) e me tornar o mais próximo possível do único exemplo perfeito, Jesus Cristo. Nós podemos mudar, nos mudar e mudar o mundo com a ajuda de nosso Pai Celestial!

Tornemos o 11/11/11e todos dias, dias que nos aproximem de Deus, dias de oração, dias de jujum, dias de fé, de testemunho, de expressar nosso amor aos nossos pais, mulher, namorada, amigos e irmãos. Tornemos esses dias tão únicos e cheois de virtude. Deixema felicidade de viver os mandamentos de Deus tranparcer em suas entranhas e expressem íntima gratidão a Deus por Ele ter concedido isso.

Deus vive! Ele é o autor da vida! Vamos nos esforçar para que Ele seja o Oleiro e nós barro em Suas mãos!

 

Olhe bem a imagem acima… o que ela representa? O mundo em que vivemos? Ou simplesmente uma mão com um rosto e outra com uma orelha? Uma aberração da natureza? Acho que não. Ao que parece, a parte de um rosto está gritando e as duas mão estão viradas, ou seja, estão discutindo (brigando).Isso é possível para um santo dos últimos dias?

Um dia desses, fiquei profundamente chateada com alguns amigos, eles  me magoaram muito e foi difícil fingir que estava tudo bem, eu tinha que falar com eles. Ao dizer como eu me sentia e com a voz marcada por este sentimento, eles disseram: “Enayde, você não combina zangada”. Aí, eu me perguntei se deveria estar sorrindo sempre e se reclamar era a coisa certa, mas fiquei feliz em saber que passava coisas boas para as pessoas. Mas, lembrei de uma escritura que diz para repreendermos as pessoas que amamos quando necessário e depois mostrarmos a elas uma amor maior ainda para que elas não nos vejam como seus inimigos. Como estou lendo o Antigo Testamento, lembro bem de o Senhor repreender o Seu povo por ele se mostrar bem desobediente, não foi à toa que eles vagaram pelo deserto durante quarenta anos.

Quando estamos chateados, sempre tem alguém que diz “Você não pode ficar assim não, você não diz que é santo?” Como se não pudéssemos nos aborrecer, entristecer ou coisas do tipo. Não é bem assim… somos como qualquer ser humano, a diferença é que nos empenhamos em amar e perdoar as pessoas, mesmo que isso seja muito difícil. No entanto, não é por isso que vamos ficar calados perante a injustiça ou que “engoliremos” palavras mal ditas, isso faz mal à saúde. Sabemos que devemos levar ao Pai estas coisas. Por isso, dificilmente veremos um sud zangado, de mal – humor ou coisa do tipo. Sempre se é esperado  um dia melhor. Como um dia em que me encontrava muito chateada e percebi o quão bela a Lua estava no céu e uma voz me disse “ Enquanto ao Sol, a Lua ou as estrelas estiverem no céu, sempre haverá um dia melhor”.

De fato, “cara feia” não combina com as pessoas que seguem a Deus, mas todos somos passíveis de um dia ruim ou nos chatearmos com alguém, certo? A diferença está em como  lidamos com estes sentimentos negativos, é mais fácil sair “dando patadas” em todo mundo, o problema é que isso não leva a nada, quanto mais se grita, mais longe se está do coração do outro. Que tal parar para pensar, fixar a mente no Salvador e assim dar a outra face? Dar vazão ao Espírito para que flua em nós e leve para bem longe a raiva, a dor ou angústia.

Lembro de uma vez ter lido um texto intitulado “Engolindo Sapos”, definitivamente não é nada bom ter um monte de sapinhos na nossa barriga e não dá para fingir que está tudo bem, É melhor deixar nas mãos do Pai e estender as nossas a quem nos ofendeu. O Senhor não recebe as orações de quem está com o espírito da discórdia ou em falta com um irmão. Para isso, exercitamos o perdão continuamente. Ao invés de pensar em como odiar alguém eternamente, eu já pensei nisso, que tal orar para aprender a perdoar ou convidá-la para orar com você? “Se alguém te faz caminhar uma milha, vai com ele duas.”

Com carinho,

Enayde Fernandes.

Ei, ta Me ouvindo?

 

Semana passada eu tive duas experiências que me fizeram meditar muito sobre a importância de estar sempre em sintonia com o Espírito Santo.

A primeira delas foi MARAVILHOSA! Duas semanas atrás teve a Conferência semestral da Igreja. É uma ocasião em que ouvimos a voz dos profetas, apóstolos e autoridades gerais da Igreja, a quem apoiamos como líderes inspirados que são guiados por Deus. Domingo, pela manhã, eu tinha curso às 8:00 horas até às 12:00 e a Sessão do Sacerdócio começava às 10:00. Consequentemente eu teria de faltar em um dos dois lugares. Decidi, então, ir para o curso e depois assistir somente a Primeira Sessão do Domingo.

Ao começar a aula, senti fortemente o Espírito tocando em meu coração e eu me perguntava “o que eu tô fazendo aqui?!” A palestrante tava falando sobre drogas e tals, mas e…? Meu lugar realmente era ali? Senti que o Senhor queria eu assistisse à Sessão do Sacerdócio, havia algo muito importante que eu precisava ouvir e Ele queria que eu não chegasse atrasado! Decidi fazer o que o Senhor queria que eu fizesse… Fui assistir à Sessão.

Quando cheguei à estaca troquei de roupa “rapidéz” e corri para a Sacramental. Ao sentar-me, senti “é aqui que eu devo estar!” Cheguei bem no comecinho da Sessão. Quando o Élder Holland começou a dizer suas palavras inspiradoras, não me contive, as lágrimas vieram-me a face. Eu não conseguia parar! O Senhor estava mostrando-me o que eu deveria fazer! O Élder Holland falou praticamente TU-DO que eu precisava o Senhor sabia dos desejos do meu coração e os respondeu através de um apóstolo Dele!

Imaginem se eu tivesse permanecido naquela aula sobre drogas? Eu perderia a oportunidade de mudar minha vida! Porque, acreditem, as palavras do Élder Holland mudaram minha vida, nunca me esquecerei desse momento sublime! O quão sou grato por ter ouvido a voz do Senhor e a ter seguido.

Uns dias depois disso, eu tinha um seminário para apresentar na Universidade. Eu havia estudado, mas tinha de estudar mais um pouco porque a apresentação era no dia seguinte. OK, comecei a estudar, mas sentia repentinamente que eu devia parar. O Senhor estava dizendo-me que eu não apresentaria aquele seminário no dia seguinte. “Mas, como assim Senhor? O professor marcou para amanhã, se eu não estudar sei que vou me dá muito mal”. Agora eu me pergunto, por que o ser humano é tão desobediente? Rs. Lá foi eu, teimoso, estudar até 3:00 da manhã. Quando foi pela manhã, cheguei atrasado… Mas ainda não tinha chegado minha vez de apresentar-me. E no fim, o que deu? Na verdade não deu! Não deu tempo para a apresentação do meu grupo, ficou para a próxima aula rs.

Alguns olhariam para essas duas ocasiões e diriam “Ah, foi coincidência” Mas tenham certeza que não foi! Deus continua falando conosco hoje em dia, através de seus profetas e através de Seu Espírito, basta estarmos atentos e procurarmos obedece-lo. Não basta só ouvir, temos de fazer! Lembrem-se de minha experiência ruim… O Senhor havia me dito, mas eu, cético, não acreditei .-. Que bom que Ele nos concede o arrependimento… ah, e como me arrependi!

Sou grato por Deus falar conosco e nos ajudar em nossas decisões. Eu o amo e sei realmente que Ele ama cada um de nós. Eu sei que o que o Senhor diz está dito… Seja pela sua própria voz, ou pela voz de Seus servos, é O MESMO! (D&C 1:38).

Toda vez que ela os vê, seu coração acelera pois percebe naqueles dois jovens de camisa branca, gravata, calça e mochilas andando em pleno meio-dia pelas ruas de nossa capital, firmes propósitos e uma fé inabalável. Ela consegue enxergar-se, imagina ser chamada sister.
Relembra as vezes que dois élderes bateram à sua porta e anunciaram-lhe “as novas de grande alegria”(Lucas 2:10), dos momentos em que se ajoelhava orando perguntando se tudo aquilo era verdadeiro, dos convites que recusou para o batismo até obter a Resposta. Lembra de vê-los sorrir sempre ao falar do Evangelho, sobre Joseph Smith e a Igreja, aquilo de início parecia irreal, mas à medida que suas orações tornavam-se mais verdadeiras e seu empenho nas escrituras, mais sincero, seu conhecimento ampliou-se. Descobriu que uma grande obra iniciara-se e que os missionários eram pedreiros dedicados á construção, ela também quer trabalhar, juntando os tijolos, preparando a massa…deseja do fundo do coração trabalhar na Obra.

Ela procura se aperfeiçoar, estuda as escrituras ,tornar o evangelho parte de sua vida tendo em vista o dia em que ouvirá seu nome ser chamado. Uma de suas passagens favoritas é sobre o trabalho missionário. “Portanto, ide,fazei discípulos de todas as nações,batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado;e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.” (Mateus 28:19-20)

A obra missionária é uma grande benção para a Igreja, sobretudo para as pessoas. Quantos milhões hoje sorrem felizes ao lembrar de élderes e sísters que um dia baterm-lhes a porta e muitas vezes devolvera-lhes a vida, deram-lhes motivos para se regojizar. Trazendo em si o cumprimento de muitas escrituras. “(…)quando um homem fala pelo poder do Espírito Santo, o poder do Espírito Santo leva as sua palavras ao coração dos filhos dos homens.” (2 Néfi 33:1) Isto exige preparação, oração.Honrar o nome de Jesus Cristo e de nossas famílias requer esforço, mas não vemos isso como obbrigação,o fazemos por vontade própria, por honra. “Portanto, ó vós que embarcais no serviço de Deus, vede que o sirvais de todo o coração, poder, mente e força para que vos apresenteis sem culpa perante deus no último dia.” (D&C 4:1-2)

A cada batida do coração, ela recebe a confirmação de que aquilo é verdadeiro, sua alma está aquecida e seu corpo cheio de luz. Ao vestir-se para ir ao Instituto tem em mente a imagem de Cristo, apanha as Escrituras e sai. No caminho, encontra dois élderes entrando em uma casa.”Um dia estarei lá”, pensa.  Apesar de ser uma escolha, muitas jovens decidem servir em missão, representar Cristo, por quê? Porque querem servir Àquele que lhes dá tudo e que só pede”um coração quebrantado e um espírito contrito”. Essa é a verdade, a certeza de que somos filhas do Pai Celeste e que nós O amamos.”Serviremos de testemunhas de Deus em todos os momentos, em todas as coisas e em todos os lugares.”

Com carinho, Enayde Fernandes.

We Believe ;)

Não somos muitos, quase ninguém nos conhece e nem sabe o que significa SUD calma gente não é nenhum partido da oposição, além do mais, acreditamos na lei e respeitamos a ordem política vigente. Somos os populares “mórmons”, membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Somos seres humanos normais nada de mutações genéticas ou viagens espaciais, criptonita, aranhas radioativas ou coisas do gênero, temos amigos, casa, família. Trabalhamos, choramos, rimos, cremos em Cristo. Ele é a base, a fonte da retidão, somos cristãos. Em meio a olhares surpresos e de espanto, levamos ao mundo um amor não fingido, desinteressado, buscamos a pureza, a honestidade, a bondade. Viver para o Senhor, não para nós mesmos, nem para o mundo. É verdade que não bebemos, não tomamos café nem outras drogas. Não é nenhuma dieta especial, obedecemos ao Senhor e respeitamos “o templo do Espírito Santo”.

Acreditamos que a Igreja de Cristo está de volta a Terra, homens fiéis, tementes a Deus e escolhidos nos guiam diariamente. Nossas almas e corações estão cheios de alegria, pois a plenitude do Evangelho nos dá esperança de que Cristo voltará e que o mundo será melhor, as famílias serão eternas. Nossos princípios revelam quem somos, não fingimos, no final, teremos que prestar contas ao Chefe e acreditem Ele sabe tudo, tudinho. A versão eletrônica do Houaiss não é nada perto dEle, rs.

É interessante… mesmo o fato de você SABER de todas essas coisas não é o suficiente, você precisa ACREDITAR e DEFENDER arduamente. Fazem mais ou menos três semanas que o meu curso de Psicologia começou, acreditem, eu já tenho muitos amigos! Mas os mais próximos de mim lá já sabem que eu sou membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Acredito que para nós (SUD) não deve ser nenhum sacrifício falar “Ahh, eu sou SUD” Meu, é algo que você acredita e vive e vai viver todos os dias da sua vida, por que você teria vergonha disso? Ah, porque talvez seus amigos falariam “ah, tu faz parte de uma seita” ou “hum, vocês casam com um monte de mulher, né?” ou “tua igreja tem preconceito racial, ok?” e daí? que falem! que caçoem! É verdade? NÃO! Nós não somos uma seita, somos uma RELIGIÃO, somos CRISTÃOS! Nós não nos casamos com um monte de mulher, o Casamento é entre um homem e uma mulher! Ah, e preconceito racial? rsrs, tenham certeza que não há, é só olhar pra mim, rs!

Além de nós acreditarmos e mostrarmos para as pessoas isso, precisamos também mostrar isso pra nós mesmos, pois será nos momentos difícies que vai ser requerido de você sua total convicção. Convicção de que você é um FILHO DE DEUS, de que ELE TE AMA, de que a Igreja de Cristo, aquela mesma Igreja que ele organizou em seu ministério terreno, está RESTAURADA AQUI NA TERRA com “apóstos, profetas, pastores, mestres, evangelistas, etc.” Essa convicção vai te ajudar tanto! E se você ainda não tem essa convicção, ajoelhe-se e ore a Deus, Ele vai te responder, assim como Ele respondeu a mim e a diversas pessoas! Tenham fé, acreditem e o resto, aah meus amigos, Ele vai fazer!

Fiquem com Deus, SEEMPRE!

Enayde Fernandes e Elivelton Vieira.

Correntes ao Chão!

Você já viu um bandido pedindo pra estar na cadeia? Já viu um cachorro pedindo pra ser amarrado? Pois é…ninguém quer ser preso, porém as vezes nós nos autoaprisionamos. Sim! É de uma forma tão astuta e sutil que nem notamos. É estranho né? Uma pessoa se prender…cara, tu só pode ta ficando louco! Mas é verdade, nossa “pele” torna-se tão insensível a ponto de perdermos totalmente o tato. Somos vendados e nem notamos… Agora, que correntes são essas? As correntes do pecado.

Hoje, no Instituto aprendi que o pior pecado é aquele que você tenta justificar. Meu, pecado é pecado…se você praticou foi escolha sua! Deus quando nos enviou a essa Terra, nos deu um faca de dois gumes, o livre-arbítro, ou seja, se você fizer o que é certo, receberá coisas boas, bênçãos, agora, meu amigo, se fizer o que errado, você também receberá coisas…mas não boas…ah, não mesmo! É a lei da colheita! Eu não sou perfeito, não mesmo. Justamente pelo contrário, sou imperfeito demais, preciso melhorar muito! Mas disso eu tenho certeza: Os homens nunca serão salvos em pecado! E Nada que é impuro pode entrar no Reino de Deus.

A única maneira de quebrarmos essas tais correntes é através do Arrependimento sincero. Gente, tem de ser sincero, se for só um “arrependimento” sem sentimento nenhum não vai adiantar nada. Minha mente ta me chamando de hipócrita por estar falando isso a vocês, mas sabe..quero deixar bem claro que não tô me elevando as alturas e me achando o “talsão”, sei que preciso escrever isso não só pra vocês, mas também pra mim!

Sabe…a algumas semanas atrás, aconteceu algo chato comigo, algo que eu não queria, algo que me deixa triste e frustrado. Depois desse acontecimento, minha postura mudou. Comecei a me distanciar dos meus verdadeiros amigos,  dos meus familiares e a faltar regularmente no Instituto, cousa que eu odeio, não suporto faltar, principalmente no Instituto! Meu, é o momento que você olha pra você e faz uma introspecção: “Minha gente, esse sou eu? No que eu me tornei?” Eu comecei a sentir na pele as correntes me incomodando e vi que era a hora de quebrá-las. É isso, quebrá-las!

Digo a vocês, nós somos mortais mas nem por isso incorrigíveis. A batalha continua, nessa guerra contra o “homem natural” precisamos vencer! E só com a ajuda de nosso Pai que conseguiresmos a tão aguardada VITÓRIA!

BFFsão!

Vou contar uma história pra vocês…

Era uma vez um garoto que se sentia realizado. Considerava sua família bem estruturada, tinha amigos maravilhosos, estudava numa boa escola e vivia cada momento mais que intensamente. Ele nunca pensou que sua vida poderia melhorar e ser melhor mais ainda que era, mas acreditem sua vida melhorou, e muito: Ele ganhou um amigo, mas não um amigo qualquer…ele ganhou um amigão, ou melhor um BFFsão rs, Jesus Cristo.

O garoto ficava/fica impressionado com toda a dedicação que Jesus lhe dava/dá. Vamos ser sinceros, o garoto não entendia o porquê desse “amor tão incomum”. A amizade só crescia, entretanto depois de algum tempo as dificuldades apareceram, o garoto começou a dar atenção mais a seus próprios defeitos do que a suas qualidades (dele mesmo), o garoto ganhou novos “amigos”, vou citar alguns de seus nomes: tinha o Medo, a Solidão, o Desespero, a Ingratidão, a Raiva… Ele pensava que Cristo só via seus defeitos, seus pecados, transgressões e iniquidades. Pensou que Ele (Jesus) só enxergava o garoto mesquinho e defeituoso e com isso, sabe o que aconteceu? O garoto começou a distanciar-se de seu BFFsão. A relação não era mais a mesma. Ele (o garoto) não ligava mais para os conselhos de seu amigão. Suas conversas tornaram-se frias… O que antigamente era praticamente impossível de acontecer… O garoto tornou-se tão diferente que quando Cristo falava ele somente escutava e não estava “nem aí”. Enfim, o garoto foi cegado, sim ele foi CEGADO pelo inimigo de toda retidão. Seu nome? Satanás.

Satanás encheu a cabeça do garoto com besteiras do tipo: “não dê ouvidos a esse Cristo. Ele não sabe de nada!”, “Vamos curtir, sabe por quê? Nós morreremos  amanhã!” ou até mesmo “Cara, a vida é sua…ninguém manda nela a não ser você!”. Gente, o garoto foi altamente enganado… e o mais impressionante, ele percebeu isso!

Ao cair em si, o garoto procurou reverter a situação, de início até teve resultado, mas logo após ele repetia tudo o que tinha feito com seu amigo Jesus. Mas vocês acreditam que o garoto sofreu, ah e como sofreu! Chorou muito, muito mesmo! O garoto já estava cansado de pensar que aquela a seria última vez que ele ofenderia seu melhor amigo. Estava cansado de pedir perdão e logo após voltar a fazer tudo outra vez…

Esse garoto ainda sofre hoje em dia, e sabe quem ele é? Pode ser qualquer amigo seu… Ás vezes as pessoas estão passando por dificuldades mais que gigantes, às vezes as relação com Cristo está degradada dessa maneira, e do que você vai precisar? De um INCENTIVO! Sejamos amigos uns dos outros. Cheguemos a nossos irmãos: “Cara, você ta bem? Posso fazer alguma coisa por você?”. Na maioria das vezes a relação entre dois amigos que estão distantes precisa somente de um empurrãozinho. Nós podemos dar esse empurrão! “Mas Elivelton, eu já tenho problema demais pra me preocupar!” Pôxa! Deus não vira as costas pra você quando você passa por problemas. Ele ta ali pra te ajudar. Será que Ele não quer que você faça o mesmo por Seus filhos?

Mas, se esse garoto é você, cara, não desiste! Perceba quem é seu verdadeiro amigo. Será que é aquele que quer te dar prazer momentâneo (Satanás) ou aquele que quer te dar felicidade Eterna(Cristo)? Jesus Crist é nosso verdadeiro amigo! Sabe por que Ele nos ama tanto? Porque nossas almas são valiosas demais pra Ele e para Seu Pai, NOSSO Pai.

“Pois eis que aquele que se arrependeu de seus pecados é perdoado, e deles o Senhor Deus nunca mais se lembra.”

 

P.S:  Saudades de vocês (: